Estudo revela que consumo de álcool provoca danos no cérebro


De acordo com um estudo da Universidade de Oxford, não existe um nível seguro de consumo de álcool que mantenha a saúde do cérebro intacta.

Os cientistas observaram a relação entre o consumo de álcool e as ressonâncias magnéticas da atividade cerebral de cerca de 25.000 pessoas no Reino Unido. Os investigadores concluíram que o consumo de álcool tem um efeito na designada massa encefálica cinzenta – as regiões cerebrais que constituem o processamento de informação importante.

Os dados da pesquisa revelaram que quanto maior a quantidade de álcool ingerida pelas pessoas, maior serão os danos na região cinzenta do cérebro.

Segundo esta investigação, os padrões de consumo de álcool e outras condições de saúde, como a pressão alta e obesidade, colocam o estado de saúde do cérebro dos pacientes em risco.

Não obstante, os autores desta pesquisa não encontraram evidências sobre as bebidas alcoólicas que causaram maior dano ao cérebro.

Pode consultar o estudo aqui.



MelysVida.com